Se tem uma palavra que leio cada vez mais nos blogs e redes sociais é GOURMET. Acho que há uns 3 anos aconteceu o booom dos produtos, restaurantes e serviços gourmet. Gourmet basicamente se tornou a palavra chave para sofisticação, dizer que uma receita é bacanuda, um restaurante é bom, um produto é top de linha. Ou, simplesmente, para tornar o preço de tudo isso mais caro, sem necessariamente trazer um retorno direto em qualidade naquilo que se está pagando, produzindo e consumindo.

Tem coisa que é dita gourmet e não entendo o motivo. Outro dia vi umas latinhas de chá que chamam de Chá Gourmet. Quando fui olhar, é só folha de chá que tem lá dentro. Os sabores? Chá Preto Puro (oi?), chá preto com laranja, chá verde com hortelã, entre outros. Mas é orgânico e gourmet, vem numa latinha colorida linda e então custa muito mais caro que as caixinhas de chá que vendem no mercado. Acho que o chá deve ser especial e meu entendimento que deve ser meio falho quanto à sofisticação das coisas.

Big Mac Gourmet

Móvel Gourmet

hamburguer gourmet

Esse aqui eu preciso comentar, porque para mim é o master-mega-blaster-ultra-fodarástico produto gourmet: água feita da umidade do ar da floresta amazônica. Não, você não leu errado.

amazonaairwater

Lógico que toda ação gera uma reação, tudo que é demais enjoa, tudo que faz sucesso logo recebe uma avalanche de críticas e movimentos opostos. E não foi diferente com o Gourmet.

Ano passado foi a vez do Raio Gourmetizador. Eu ri, você riu, todo mundo riu com os memes que invadiram a internet. Brigadeiro + Raio Gourmetizador = Brigadeiro Belga Trufado Gourmet. Picolé + forma quadrada = Paleta. Pipoca + tempero = pipoca gourmet. E a onda do raio gourmetizador foi muito além da simples questão culinária. Tem página no Facebook, Tumblr, gourmetização carnavalesca e até análise raio-gourmetizadora das manifestações políticas dos últimos meses e muito mais. O Raio Gourmetizador bombou.

livrodecolorir_gourmet    brigadeiro_gourmet

havana_brooklyn  Raio gourmetizador Vernissage

Agora a onda é outra. Ninguém quer gourmetizar nada porque automaticamente você é creditado como ultrapassado, quando não oportunista. A parada agora é Desgourmetizar.    Sim, o gourmet é tão poderoso que criou um verbo novo no coletivo social da internet. Gourmetizar. Desgourmetizar.

O mote “Desgourmetiza!” virou lema da última temporada do programa Cozinha Prática da blogueira Rita Lobo no GNT, e rapidamente se tornou viral. Todo mundo quer desgourmetizar alguma coisa, mesmo que na verdade ela nunca tenha sido gourmet. O legal agora é ser simples, irreverente e, claro, estar na moda.

A lista do Buzzfeed de “10 coisas para desgourmetizar agora mesmo” bombou tanto que foi republicada em dezenas de sites e blogs. O foodtruck vira o dogão da esquina num clique do mouse. Pronto, seus problemas gourmet acabaram!

foodtruck_dogao

Eu gosto de arroz cremoso com sobras do frango de ontem, mas também adoro um risoto de açafrão. Bife acebolado é uma delícia, e paillard de mignon no jus da própria carne também. Acho que ando tendo muita dificuldade para me adaptar a essas vulnerabilidades gastronômicas. Gastronômicas não, culinárias, porque gastronomia é a culinária + raio gourmetizador, e não queremos mais isso. Ou queremos?

Print Friendly, PDF & Email