Ingredientes

  • 1 1/2 xícara de sêmola de trigo
  • 1 1/2 xícara de água
  • 100g de salmão defumado em fatias finas
  • 1 pimentão amarelo
  • 1 pimentão verde
  • 100g de tomate cereja
  • 1 maço de coentro
  • 2 pacotes de Hondashi
  • 3 colheres (sopa) de shoyu
  • 3 colheres (sopa) de azeite

4 pessoas Pessoas servidas ~ 20 minutos

Cuscuz ou Couscous marroquino é uma das receitas mais versáteis e fáceis de se fazer que tem, não é mesmo? Feito com sêmola de trigo (sim, tem gluten!), pode levar praticamente qualquer tipo de legume, tempero, caldo e carne junto, sendo uma excelente opção para se usar como entrada ou até mesmo como prato principal, acompanhado de uma salada verde, por exemplo (foi exatamente o que eu fiz). Essa receita de couscous marroquino com salmão defumado foi a salvação de uma noite em que eu não estava a fim de ficar muito tempo na cozinha mas também queria comer uma coisa bacana (quem nunca?). Anota aí essa receita porque ela com certeza vai te salvar num momento como esse!

Aliás, dei uma pesquisada sobre a origem do “couscous“, e descobri que essa palavra vem do árabe Kuskus, que significa “bater”. É um prato muito antigo, sendo que os primeiros registros que se têm dele datam do século XIII. É tradicional do norte da África, sendo o prato nacional da Argélia, Marrocos (onde é mais famoso e de onde se espalhou para o mundo todo) e Tunísia. Lá existem inúmeras receitas, sendo as mais tradicionais feitas com cordeiro, que deve ficar uma delícia! Essa versão já está na minha lista de receitas a serem feitas 😉couscouz_2

MODO DE FAZER

– Coloque a água para ferver com os dois pacotes de Hondashi (já falei dele nesse post aqui e é muito gostoso e versátil).

– Enquanto isso, pique os pimentões em cubos pequenos. Leve a uma panela com o azeite em fogo baixo e deixe refogar por uns 5 minutos, mexendo constantemente. Acrescente os tomatinhos cerejas cortados ao meio (eu retiro as sementes) e o coentro picadinho e misture bem. Desligue o fogo e reserve.

– Jogue a água fervente com Hondashi sobre a sêmola de trigo numa tigela. Misture bem e deixe descansar por 5 a 10 minutos. A sêmola irá hidratar e ficar bem cozida.

– Corte as fatias de salmão defumado em pedaços médios. Junte com a sêmola já hidratada e acrescente o refogado de pimentões e tomates. Misture tudo, acerte o sal. Você pode servir em seguida morninho (adoro) ou servir até mesmo gelado, como uma salada. Deixar de um dia para o outro na geladeira faz o sabor do seu cuscuz marroquino ficar ainda mais intenso e delicioso! Bom apetite!

Print Friendly