Ingredientes

  • 2/3 de xícara de arroz arbório
  • 1/2 cebola picadinha
  • 2 colheres (sopa) de manteiga
  • 70g de coco ralado (sem açúcar)
  • 200ml de leite de coco
  • 1/3 xícara de saque
  • 1/2 colher (chá) de noz moscada em pó
  • 1,2 litro de caldo de legumes

2 pessoas Pessoas servidas ~ 20 minutos

Risoto é uma coisa muito prática e já postei vários aqui no blog (camarão, aspargos, camarão com alho poró, negro, espinafre). Gosto muito da ideia de ter um prato curinga que pode ser servido tanto como entrada, como prato principal ou acompanhamento de alguma outra coisa. Esse risoto de coco é fantástico porque, além de ser diferente do que costumamos ver por aí, funciona muito bem em qualquer uma dessas três ocasiões. Servi para acompanhar um camarão tailandês que também ficou sensacional, mas acho que acompanharia muito bem um salmão ou outros peixes em geral.

Aliás, olha que interessante, estava pesquisando sobre a origem do risoto e descobri que tem toda uma lenda envolvida nisso. Olha que bacana a história:

Dizem que o prato foi inventado pelo artista Valerio di Fiandra, responsável pela criação dos vitrais da catedral de Milão, no final da Idade Média. Ele ia à taberna da cidade  para degustar os bons vinhos locais, e sua filha mais velha costumava seguir o pai às escondidas e observar o que acontecia naquele “local proibido”. A jovem acabou se apaixonando pelo filho do proprietário da taberna e  foi correspondida. Em setembro de 1574, os dois se casaram. Durante os preparativos da festa de casamento, Fiandra deixou cair um pedaço de açafrão dentro do arroz cozido no caldo. O resultado dessa mistura acidental foi conhecido no final da noite, quando os convidados começaram a procurar o cozinheiro da saborosa invenção. Assim surgiu o Risoto alla Millanese (Risoto à milanesa), o mais tradicional de todos os risotos.

MODO DE FAZER

– Comece com o caldo de legumes. Eu sempre deixo congeladas as folhas do alho poró (aquela parte que normalmente jogamos fora), para utilizar nos meus caldos. Coloquei esses talos com 3 dentes de alho e 1/2 cenoura em cubos e uma pitada de sal. Coloquei  a água e deixei ferver por uns 10 minutos. Você pode usar qualquer outra receita de caldo de legumes que preferir ou usar um pacotinho pronto e dissolver em água fervente. Deixe a panela com o caldo fervendo ao lado da panela onde fará o risoto no fogão.

– Coloque a cebola picadinha na panela com 1 colher de sopa de manteiga. Deixe dourar em fogo médio. Acrescente metade do coco e deixe fritar rapidamente, mexendo sem parar.

– Acrescente o arroz e misture tudo muito bem para refogar. Acrescente a outra metade do coco ralado e o saque. Misture bem até que o álcool evapore (o que é bem rápido).

– Junte o leite de coco e a noz moscada. Comece a acrescentar o caldo de legumes com uma concha, colocando uma concha de cada vez. Continue mexendo o risoto até que o caldo evapore. Acrescente mais uma concha do caldo, continue mexendo. Mantenha esse processo até que o arroz fique no ponto de risoto, al dente.

– Por fim, acrescente mais uma concha do caldo e uma colher de manteiga. Sirva em seguida!

DIFICULDADE: fácil

PREÇO MÉDIO: R$ 6,00 – R$ 8,50

 

Print Friendly